AÇÃO REIVINDICATIVA NO SETOR PÚBLICO

Técnicos de Radiologia protestam em Viana do Castelo

Vigília está agendada para as 16h00, em frente ao Hospital de Santa Luzia


Os Técnicos de Radiologia da ULSAM avançam hoje com nova vigília, protestando contra a caducidade dos contratos de trabalho, considerando a continuidade da conceção do Serviço de Imagiologia da ULSAM - Unidade Local de Saúde do Alto Minho à Lifefocus II. Assim sendo, hoje, 21 de maio, entre as 16h00 e as 19h00, em frente ao Hospital de Santa Luzia em Viana do Castelo os TSDT de Radiologia vão, mais uma vez, denunciar publicamente as ilegalidades que estão a ser cometidas e as condições de trabalho a que são sujeitos.

Em causa está a precariedade das condições de exercício profissional pelo não reconhecimento da necessidade permanente da manutenção do posto de trabalho, a continuidade da relação jurídica de emprego estabelecida entre a Lifefocus II e TODOS os trabalhadores e a não internalização dos Técnicos de Radiologia na instituição ULSAM.

O STSS  exige a internalização dos meios complementares de diagnóstico e terapêutica nas instituições e serviços públicos de saúde, o que neste caso reflete a internalização dos Técnicos de Radiologia na ULSAM, a negociação de remunerações dignas com base no reconhecimento de um exercício consentâneo com a qualificação, conhecimento e competência destes profissionais, a aplicação das normas do Código do Trabalho, no estrito cumprimento das regras de transmissão de empresa ou estabelecimento, sem desvios, o reconhecimento do seu direito ao posto de trabalho, com condições contratuais e de exercício que dignifiquem os profissionais a nível remuneratório.

Em causa está um histórico de precariedade das condições de exercício profissional dos Técnicos de Radiologia e o não reconhecimento do direito à manutenção do seu posto de trabalho nos termos da lei.

Pela imprescindibilidade das funções desempenhadas por estes profissionais de saúde, assente na importância do serviço do qual fazem parte, o recurso a uma empresa externa cujo contrato pode não ser renovado e que não quer garantir a continuidade nos termos da lei dos contratos dos Técnicos de Radiologia, remunerando-os em paridade com outros Técnicos de Radiologia da ULSAM e de outras instituições, situação que pode ser resolvida com a internalização pela Unidade Local, sob pena de ser também ser responsável por esta situação.

 

STSS

Sindicato dos Técnicos Superiores de Saúde nas Áreas de Diagnóstico e Terapêutica

#JuntosConstruímosFuturo

SINDICALIZE-SE!

© 2021 STSS. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por ONITdev

Pesquisa